Notícias

Unimed planeja transformar São Camilo na maior referência em hospital pediátrico do país 

Atendimento de pediatria do Hospital da Unimed da Contorno é transferido para Hospital São Camilo

Por Jacqueline Moura/Itatiaia, 01/08/2019 às 09:50
atualizado em: 02/08/2019 às 07:02

Texto:

Ouça na Íntegra
00:00 00:00
Foto: Divulgação Unimed
Divulgação Unimed

Começa a funcionar nesta quinta-feira (1º) a nova UTI pediátrica do Hospital São Camilo Unimed, que foi ampliada. A Unidade de Tratamento Intensivo também oferecerá um conforto maior às mães e aos acompanhantes com sala de estar estruturada e banheiro com chuveiro.

Também a partir desta quinta-feira, o atendimento de pediatria que é feito no Hospital da Unimed, no bairro Santa Efigênia, será transferido para o São Camilo, no bairro Floresta, região Leste da capital. De acordo como médico Múcio Pereira Diniz, diretor de serviços próprios da Unimed Belo Horizonte, o objetivo é fazer o hospital São Camilo a maior referência em hospital pediátrico do país. 

“Todo o atendimento de urgência e emergência feito no Hospital da Unimed da Contorno será direcionado para o Hospital São Camilo. A equipe médica pediátrica também será transferida para o São Camilo, lá vamos fazer todo o atendimento necessário especializado da rede. A transferência não vai ampliar o tempo de espera das crianças que chegarem no São Camilo em busca de atendimento médico, pelo contrário, o objetivo é agilizar o atendimento”, explica.

Comprado em 2017 pela Unimed, o hospital recebeu um grande investimento. “São vinte novos leitos na UTI pediátrica, que junto aos leitos que já existiam somam cem vagas. O investimento para essa ampliação foi de 6 milhões de reais. Desde que a Unimed comprou o hospital por 88 milhões, já foram investidos 15 milhões para ampliação e melhorias nos atendimentos”, detalha o diretor da Unimed-BH. 
 

Escreva seu comentário

Preencha seus dados

ou

    #ItatiaiaNasRedes

    RadioItatiaia

    'Eu estou levando minha revolta para um lado de injustiça, eu preciso de uma resposta. Eu guardei tudo no quarto do bebê. Essa dor parece que não vai passar', completa.

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    O caso foi revelado em primeira mão pela rádio Itatiaia e repercute nacionalmente.

    Acessar Link