Notícias

Após derrota em clássico, Rodrigo Santana confirma Atlético alternativo no Sul

Por Agência Estado , 12/07/2019 às 12:02
atualizado em: 12/07/2019 às 12:07

Texto:

Foto: Bruno Cantini / Atlético
 Bruno Cantini / Atlético

A derrota por 3 a 0 no clássico para o Cruzeiro na partida de ida das quartas de final da Copa do Brasil, na quinta-feira (11), no estádio do Mineirão, em Belo Horizonte, não vai alterar os planos do Atlético para a sequência de jogos pela competição de mata-mata e pelo Campeonato Brasileiro. Pensando na volta contra o rival, o técnico Rodrigo Santana confirmou que usará uma equipe alternativa neste domingo contra a Chapecoense, em Chapecó (SC), pelo principal torneio nacional.

"Em relação ao jogo de domingo, a gente sabe nosso planejamento. A gente viaja com time alternativo, sim. Vamos procurar também fazer um grande jogo no domingo porque o Brasileirão é muito importante pra gente. Depois a gente volta as atenções para a Copa do Brasil", disse o comandante alvinegro.

A partida na Arena Condá contra a Chapecoense, que está na zona de rebaixamento, é válida pela 10.ª rodada do Brasileirão e pode garantir ao Atlético a terceira posição na tabela de classificação. O time está em quinto com 16 pontos - mesma pontuação do Internacional, em quarto por ter melhor saldo de gols (5 a 3), e um a menos que o Flamengo, o terceiro colocado.

Sobre a derrota no Mineirão, Rodrigo Santana revelou que todos no Atlético já tinham ciência da escalação do atacante Pedro Rocha no lugar de Fred para o clássico. "Saiu o Fred, um jogador de referência, que segura mais a bola, que ganha essa primeira bola, que segura a bola, e colocou o Pedro, que é um jogador de movimentação. A gente tinha essa informação, a gente já tinha passado para o grupo. Então, acredito que nada me surpreendeu. O que a gente pecou é por estar errando nos momentos cruciais e favorecendo o adversário", disse o treinador.

Atlético e Cruzeiro se enfrentarão na partida de volta das quartas de final da Copa do Brasil na próxima quarta-feira (17), às 19h15, desta vez no estádio Independência, com mando atleticano. Para avançar sem depender de disputa por pênaltis, o time alvinegro precisa vencer por pelo menos quatro gols de diferença. Vantagem de três leva a decisão para as penalidades.

Escreva seu comentário

Preencha seus dados

ou

    #ItatiaiaNasRedes

    RadioItatiaia

    'Eu estou levando minha revolta para um lado de injustiça, eu preciso de uma resposta. Eu guardei tudo no quarto do bebê. Essa dor parece que não vai passar', completa.

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    O caso foi revelado em primeira mão pela rádio Itatiaia e repercute nacionalmente.

    Acessar Link