Notícias

Anymal e EspeleoRobô: Conheça os robôs exploradores utilizados na mineração

O ITV (Instituto Tecnológico Vale) desenvolve robôs, drones e soluções de inteligência artificial

Por Redação, 01/10/2021 às 14:52
atualizado em: 01/10/2021 às 14:57

Texto:

A tecnologia está cada vez mais presente em nossas vidas. Seja para acelerar a comunicação, organizar projetos e finanças, nos serviços de saúde e até para cuidar da segurança de pessoas e comunidades inteiras. A inovação pode ser aplicada, de fato, para melhorar a qualidade de vida e o bem-estar, além de transformar o futuro em conjunto com a sociedade.

Um projeto inovador vem sendo desenvolvido pelo ITV-Mineração (Instituto Tecnológico Vale), em parceria com institutos nacionais e internacionais, para que essa realidade esteja cada vez mais presente nas operações da Vale no Brasil. Essas medidas fazem parte do compromisso da empresa com a segurança, removendo ou reduzindo a exposição dos empregados a situações de risco.

Para isso, estão sendo feitos investimentos em diferentes modelos de robôs, que auxiliam os empregados em tarefas de manutenção, e contribuem para retirá-los de situações de risco. Atualmente a equipe está trabalhando em três principais modelos de robô: dois desenvolvidos pelo Instituto Tecnológico Vale (ITV - Mineração), que se assemelham a “carrinhos”, e um adquirido a um fornecedor internacional, o Anymal, apelidado na empresa de “cachorrinho”.

O ITV tem uma área dedicada à robótica, que vem desenvolvendo robôs, drones e soluções de inteligência artificial (IA) para as operações.

EspeleoRobô

O projeto do EspeleoRobô, desenvolvido inicialmente pela equipe de espeleologia da Vale, conta com parceria com a Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). O dispositivo robótico operado remotamente, com câmeras e sistema de iluminação, capaz de se locomover em terrenos acidentados, foi projetado inicialmente para auxiliar os espeleólogos, mapeando cavernas próximas às operações.

Ele deu tão certo que desde 2017 o EspeleoRobô começou a ser testado em outras funções operacionais, como inspeções em ambiente confinados, de difícil acesso para as pessoas. Já foram feitas inspeções em tubulações, galerias e drenos, além de serviços em equipamentos de usina, como mapeamento de moinhos de bolas e inspeção de dentes de britador.

O EspeleoRobô já foi utilizado em mais de 15 serviços diferentes nas operações de Minas Gerais, Espírito Santo e no Pará. Graças a seu avançado sistema de locomoção, esse robozinho esperto consegue se mover utilizando rodas, pneus, esteiras ou pernas, dando condições de mobilidade em diferentes tipos de terrenos e seu sistema de sensoriamento permite inspeção em alta resolução, geração de mapas tridimensionais, além de outras capacidades.

Recentemente, alguns dos módulos de percepção do robô foram cedidos à Nasa, a agência espacial dos Estados Unidos. Eles estão em avaliação para serem usados em um desafio internacional de robótica subterrânea.

Mais três unidades desse robô estão sendo desenvolvidas, e serão cedidas às operações de cobre no Pará e de minério de ferro em Vitória (ES) e Itabira (MG), onde serão empregados em inspeções de moinhos de usina, dutos e outros ambientes confinados.

Robô para Serviços de Inspeção (ROSI)

Outro projeto em desenvolvimento é o Robô para Serviços de Inspeção (ROSI), em parceria com a Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ). Pensado desde o início do projeto como uma ferramenta de inspeção em áreas operacionais da Vale, o ROSI tem como foco as correias transportadoras, um equipamento crítico para a mineração. Para isto, o ROSI transporta um braço robótico capaz de atuar com destreza no ambiente operacional, sendo capaz de reposicionar sensores e coletar amostras em lugares de difícil acesso. O robô começou a ser desenvolvido em 2017 e hoje está em fase de testes.

“Esses robôs foram criados dentro da Vale pelos próprios empregados e são uma tecnologia em constante evolução”, explica o pesquisador Gustavo Pessin, do ITV.

Robô Anymal

Esse é o mais novo integrante da família de robôs, vindo diretamente da Suíça para o Brasil. Trata-se de um robô quadrúpede criado pela empresa internacional Anybotics.

O Anymal se assemelha muito a um cão e também tem a missão de ser o melhor amigo de homens e mulheres dentro das operações. Já utilizado em outras indústrias, o robô foi adaptado para as operações de mineração com o apoio de uma equipe da Vale.    

Esse cãozinho passou por diversas provas: manobrou em torno da plataforma e superou obstáculos, como subir e descer escadas; criou e exibiu um mapa digitalizado da área sob inspeção; executou o planejamento de rotas e definiu o caminho a seguir; focou em objetos e instrumentos específicos; transmitiu imagens; gravou imagens térmicas com medições de temperatura, além de outras funções técnicas.

A importância do uso do robô é minimizar a exposição humana em locais de risco, além de permitir inspeções de forma remota e a coleta de dados para que se possa tomar decisões mais efetivas. “Com o robô eliminamos eliminar riscos pertinentes às atividades de inspeções, como partes rotativas de equipamentos, ruído e poeira”, explica Rayner Teixeira, analista operacional responsável pelo desenvolvimento do Anymal na Vale. “Também eliminamos atividades que possuem risco ergonômico, em que o empregado precisa executar uma tarefa em uma posição incômoda. O robô também nos dá acesso a espaços confinados, como o interior de um moinho”.

Além dos ganhos com a segurança dos empregados, espera-se redução no número de paradas e no custo de manutenção, maior confiabilidade na inspeção e a coleta de parâmetros para controle do desempenho dos ativos em tempo real.

Quer conhecer essas novidades bem de pertinho? A tecnologia também pode ajudar! Será possível ver esses lançamentos tecnológicos da Vale na Exposibram 2021. O Evento acontece de 5 a 7 de outubro de forma virtual e gratuita. Basta acessar o site ibram.org.br e se inscrever.

Escreva seu comentário

Preencha seus dados

ou

    #ItatiaiaNasRedes

    RadioItatiaia

    Partida acontece nesta terça-feira (7), às 11h. No jogo de ida, times empataram por 0 a 0. #Itatiaia https://www.itatiaia.com.br/noticia/galo-x-bragantino-fazem-final-do-bras...

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    Militares do Corpo de Bombeiros também atuam, nesta segunda-feira (6), para evitar reignição no Parque das Mangabeiras, em BH. #Itatiaia https://www.itatiaia.com.br/noticia/s...

    Acessar Link