Sulamerica - Maxiboard - Internas

Notícias

Ação contra parasitose terá atendimento médico de graça no Parque Municipal de BH

Por Redação , 21/07/2018 às 14:49
atualizado em: 23/07/2018 às 06:56

Texto:

Foto: MSPB
MSPB

A unidade móvel do Movimento Brasil Sem Parasitose (MSPB) estará no Parque Municipal de Belo Horizonte nos dias 24, 25 e 26 deste mês. A iniciativa é realizada pela Federação Brasileira de Gastroenterologia com apoio da FQM Farma e presta atendimento médico e orientações de profissionais da área da saúde de graça à população. 

Em BH, gastroenterologistas e pediatras realizarão os atendimentos em um caminhão de 52 m², adaptado com três consultórios com capacidade total para cerca de 200 atendimentos por dia. A entrega das senhas começará às 8h e os atendimentos serão finalizados às 17h.

Na primeira etapa do atendimento, o paciente responderá um questionário sobre os padrões de saneamento básico, higiene pessoal e familiar, hábitos de vida e o histórico clínico. Em seguida passará por uma triagem realizada por enfermeiros e, depois da consulta com os médicos, será direcionado para uma sala temática educativa, onde receberá orientações práticas sobre hábitos de higiene pessoal e doméstica, dadas por uma equipe de agentes de saúde.

Os principais temas abordados serão a importância de hábitos de higiene pessoal e doméstico para evitar a transmissão de parasitas e a importância do tratamento antiparasitário realizado por médicos.

O Movimento também apresentará à população quais são as patologias tratadas pelo médico gastroenterologista e que acometem o sistema digestório (boca, estômago, esôfago e intestinos), tais como refluxo esofágico, gastrite, úlceras, prisão de ventre, diarreias, infecções intestinais, entre outras.

Problema mundial

De acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS), as parasitoses são as doenças mais comuns do mundo. No Brasil, elas afetam em torno de 36% da população, no caso das crianças, esse número sobe para 55%.

Os sintomas mais frequentes das parasitoses intestinais são: dores abdominais, diarreia, gases, falta de apetite, perda de peso, náuseas e vômitos, tosse, febre, falta de ar, anemia, coceira no ânus, vontade de comer coisas diferentes como terra, areia e tijolo.

Os riscos à saúde provocados se estendem além dos intestinos, dependendo do tipo de cada parasita, e pode causar anemia, desnutrição, doenças pulmonares, hepáticas, ginecológicas, neurológicas, pancreáticas, etc. O tratamento é feito por medicamentos específicos, além de orientação para a prevenção e mudança de hábitos oferecidos pelo médico especialista.

Escreva seu comentário

Preencha seus dados

ou

    #ItatiaiaNasRedes

    RadioItatiaia

    🏙 #BeloHorizonte está completando 121 anos, e sabemos que a Capital de Minas Gerais é a cidade de todos. Nós, da Rá… https://t.co/V1T2je2ZRu

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    🏙 #BeloHorizonte está completando 121 anos, e sabemos que a Capital de Minas Gerais é a cidade de todos.Nós, da Rádio Itatiaia, agradecemos, parabenizamos e exaltamos cada hi...

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    Segundo as investigações, empresas estariam adicionando substâncias indevidas ao leite em pó durante seu processo de fracionamento a fim de obter maior lucro na comercializaçã...

    Acessar Link