Eleições 2018

Vice de Ciro, Kátia Abreu defende caráter de Dilma e analisa 'PEC do Veneno' 

Por Redação , 14/09/2018 às 10:54
atualizado em: 15/09/2018 às 09:46

Texto:

Foto: Marcelo Camargo/ Agência Brasil
 Marcelo Camargo/ Agência Brasil
00:00 00:00

Vice-candidata à Presidência da República na chapa de Ciro Gomes (PDT), a senadora Kátia Abreu disse, em entrevista à Rádio Itatiaia, ser contra passar a análise dos agrotóxicos para o Ministério da Agricultura. A medida é uma das mudanças da chamada 'PEC do Veneno', criticada por ambientalistas por flexibilizar o uso de pesticidas no país. Pecuarista, Kátia Abreu tem discurso favorável a transgênicos e agrotóxicos.

OUÇA AQUI A ENTREVISTA COMPLETA!

“Flexibilizar não é a palavra certa. Nós temos que ter todo o rito essencial ditado não pelo Ministério da Agricultura, nem pelo Ministério do Meio Ambiente e muito menos pela Anvisa, mas pelos pesquisadores e cientistas que entendem da área”, diz a candidata, ex-ministra da Agricultura, Pecuária e Desabastecimento no governo de Dilma Rousseff.

Kátia Abreu também respondeu perguntas sobre fiscalização de trabalho escravo, porte de arma e sobre sua defesa a Dilma Rousseff na época do impeachment. 

“Defender a (ex) presidente Dilma para mim foi um prazer. E eu faria tudo de novo. A maior prova de que eu estava correta é que Dilma hoje é candidata a senadora da República por Minas Gerais, não tem nenhum impedimento legal, não está presa, não está com tornozeleira e está em primeiro lugar nas pesquisas. Defendi a Dilma pelo seu caráter. Podem dizer da Dilma o que quiser, menos que Dilma é desonesta”, disse. 

Últimas Notícias

Escreva seu comentário

Preencha seus dados

ou

    #ItatiaiaNasRedes

    RadioItatiaia

    Toffoli deixa para Marco Aurélio decisão sobre dados da quebra de sigilo de Aécio Neves: https://t.co/vjqFi4h0c5 https://t.co/EHmIvLVgqv

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    Procuradoria-Geral da República solicitou o envio dos dados bancários do tucano à Polícia Federal para dar continuidade às investigações no âmbito da Operação Patmos

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    Presidente já indicou que, além do decreto, deverá dialogar com o Congresso para realizar outras mudanças no Estatuto do Desarmamento

    Acessar Link