Rômulo Ávila

Coluna do Rômulo Ávila

Veja todas as colunas

De fazer ‘inveja’ nos grandes

27/12/2019 às 07:23

Lucas Figueiredo/CBF

Atleticanos e, principalmente, cruzeirenses devem ‘invejar’ a organização e o orçamento do Red Bull Bragantino. Na Série A do Campeonato Brasileiro, o clube do interior paulista tem R$ 200 milhões para gastar com o futebol em 2020. É por isso que já conseguiu tirar o centroavante Alerrandro do Atlético e tem tudo para levar o goleiro Cleiton.

Quando alguém poderia imaginar que o Atlético venderia revelações da base para um clube de menor envergadura do futebol nacional?

E olha que a atuação no Bragantino no mercado está apenas no começo. E o perfil de contratação é claro: jogadores jovens, com destaque no profissional e potencial de venda futura. São duas contratações até agora. Além de Alerrandro, buscou o zagueiro Leo Realpe, de 18 anos, no Independiente del Valle, campeão da Copa Sul-Americana. Pagou pouco mais de R$ 4 milhões à vista. Já para ter o centroavante revelado pelo Galo, desembolsou cerca de R$ 13 milhões .O montante gasto com os dois reforços representa apenas 8,84% do valor disponível. 

Nem Atlético e muito menos o Cruzeiro têm bala na agulha. No caso do time celeste, a dívida é de R$ 700 milhões para uma receita prevista de R$ 80 milhões em 2020. ‘É praticamente falência’, definiu Saulo Fróes, presidente do conselho gestor do Cruzeiro. A situação é tão complicada que o conselho gestor definiu que não haverá contratações para 2020. Além disso, o teto salarial será de R$ 150 mil.

Não é nenhum exagero dizer que somente Flamengo e Palmeiras têm condição financeira superior à do clube paulista.  

Não há como garantir que a organização e o dinheiro darão resultado dentro das quatro linhas, mas que tem muito clube grande que queria estar na condição do Bragantino, disso não tenho dúvida.

Escreva seu comentário

Preencha seus dados

ou

    #ItatiaiaNasRedes

    RadioItatiaia

    ⚽️ Jogador afirmou não guardar mágoa do Cruzeiro e disse que tem amigos no clube celeste.

    Acessar Link