Eduardo Costa

Coluna do Eduardo Costa

Veja todas as colunas

O silêncio dos indecentes

O silêncio dos indecentes

16/10/2017 às 12:44

Está prevista para esta terça-feira, no Congresso, sessão na qual os senadores decidirão o que fazer com o colega Aécio Neves. Inicialmente, ele foi suspenso de suas funções e proibido de sair de casa à noite pela primeira turma do Supremo Tribunal Federal, sob acusação de obstrução da justiça e corrupção passiva. Depois, diante da grita geral dos políticos, especialmente os velhos conhecidos cuja conduta é sabidamente suspeita, como os líderes da rebeldia Renan Calheiros e Romero Jucá, o pleno do STF, por decisão apertada, voto de minerva da presidente e claro esforço de Carmem Lúcia para evitar crise institucional sem precedentes, decidiu que medidas cautelares que afetem o exercício do mandato de parlamentares devem passar pela Câmara e pelo Senado.

Para nós, que pagamos a conta e não aguentamos mais tanta bandalheira, é esquisito; afinal, nas gravações amplamente divulgadas, Aécio fala que vai mandar o primo – aquele que pode ser morto se ameaçar delatar – e, depois, as imagens mostram o mensageiro pegando o dinheiro. Mas, convenhamos, a lei, feita pelas raposas, diz que a proteção ao mandato eletivo não tem limites e é usada como guarda-chuvas para safadeza. Enquanto não fazemos reforma política de verdade, trocamos os políticos e a lei, o Estado de Direito exige cumprir a atual. Vamos lá.

Ocorre que, chegada a hora de o Senado decidir, querem vir com outra sacanagem. Articulam para a votação secreta, ou seja, protegem as regalias de Aécio, pois, assim, estariam se prevenindo para futuras denúncias, e paralelamente, saem ilesos rumo as eleições do ano que vem. Sabe como é, apostam que a nossa memória de eleitor é curta, fraca. Prevenida, a União de Juízes Federais buscou o fórum e o juiz Márcio Luiz Coelho de Freitas exigiu votação em aberto, seguro de que o sigilo configuraria ato lesivo à moralidade administrativa.

Sabemos que esses poderosos suspeitos de Brasília têm aliados em todas as frentes e recursos que não acabam mais... É só atravessar a rua e pedir nova decisão no Supremo... Quase sempre conseguem. Aliás, aqui parênteses: já repararam como nossa mais alta corte continua inacessível para a maioria dos brasileiros, têm centenas de processos do século passado para decidir, dezenas de milhares na fila de julgamento – alguns fundamentais para a vida dos brasileiros, mas, rotineiramente, esquece tudo para tratar de firulas que envolvem os desatinos dos poderosos? E já repararam como interesses menores, localizados, fazem o STF voltar atrás de suas decisões? Agora mesmo, o Palácio do Planalto trabalha com aliados do porte do ministro Gilmar Mendes para desfazer aquela ordem recente de que todo sujeito, após condenado em segunda instância, por um colegiado, isto é, um tribunal, deve ir para a cadeia ainda que recorra mais. Por isso que a prefeita de Santa Luzia, condenada 5 vezes pela juíza eleitoral e pelo Tribunal Regional, e, pior, alvo de uma acusação pela polícia, corroborada pelo Ministério Público e Tribunal de Justiça de mandar matar um jornalista, pagando os pistoleiros com dinheiro público, está em casa.

Voltemos, pois, à votação. Só mesmo quando acabar a votação, quando ela houver, se houver, saberemos o que farão com Aécio...

Uma lembrança: um filme, estrelado por Jodie Foster e Antony Hopkins chocou o mundo 20 anos atrás, faturou 300 milhões de dólares e ganhou muitos prêmios... Foi a primeira história de terror a levar Oscar de melhor filme... E tudo começou com o esforço para salvar a filha de uma senadora, vítima de sequestro. Agora, para salvar o colega, vítima das câmeras relevadoras, teremos a vida imitando a arte mais uma vez com história ainda mais aterrorizante que terá como título “O silêncio dos indecentes”.

Escreva seu comentário

Preencha seus wdados

ou

    #ItatiaiaNasRedes

    RadioItatiaia

    🚦⚠️Um táxi, modelo Siena, branco, pega fogo neste momento no Tobogã da Av. do Contorno. Aguarde mais informações! https://t.co/Hmx8pFQ8mO

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    ⚽ "É jogo da nossa vida. Vamos fazer de tudo pra avançar pra final de novo", disse o meia Robinho.

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    Um em cada quatro postos de trabalho deve ser substituído por tecnologia inteligente. Ouça quais são! https://goo.gl/mQdg1Z

    Acessar Link